Um novo dia irá nascer

To Relax

Utopia

por: Lucas Tuler Borges

Então o homem acordou e vislumbrou um novo mundo com árvores com diversos tipos de frutas, com rios correndo uma água cristalina, onde a tecnologia era tão avançada que não havia mais doenças pra curar, as pessoas do lugar pareciam de bem consigo mesmas e lá também estavam pessoas a muito esquecidas. No ambiente se ouvia uma sinfonia harmoniosa. O homem se sentiu em paz.

Um garoto de aparência humilde se aproximou trazendo uma taça de vinho e limitou-se a dizer…

– Você não precisa beber dessa taça, mas eu a trago pra você.

O homem não sentia sede, não tinha fome e nunca estivera em um lugar tão recomfortante…

Porém a taça era de um brilho intenso e a aparência do vinho lhe chamou a atenção.

O menino voltou a falar…

– Você tem uma escolha a fazer…Se beber desse vinho provará do melhor vinho que já tomou e poderá disfrutar do seu gosto todos os dias.

O homem olhou a taça mais uma vez e o brilho refletiu seus olhos no cálice e uma vontade o tomou a garganta.

Ele então provou do vinho. Ele nunca havia sentido tamanho prazer em provar algo tão delicioso. O menino voltou a lhe perguntar…

– Prefere o prazer de provar dessa bebida todos os dias ou não sentir mais sede e  permanecer nesse lugar?

O gosto da bebida ainda descia por sua garganta e o homem olhou o lugar novamente e pensou que seria tedioso ficar naquele lugar.

– Prefiro provar desse delícioso vinho. – respondeu admirando a taça que acabara de colocar nos labios.

No segundo seguinte acordou em um quarto luxuoso sem lembrar direito do suposto sonho e o mesmo menino lhe trazia uma taça do mesmo vinho que provara no sonho. Ele agradeceu e o menino se retirou da sala. Ele então tomou o vinho e olhou pela janela do quarto e viu um emaranhado de predios e um cheiro de nada agradável o fez fechar a janela novamente.

O homem era um famoso empresário do ramo de vinhos e construiu um imperio num lugar onde antes era um local paradisiaco.

Se passaram dois anos e o homem adquirira uma doença por conta da poluição do local que escolherá para viver. O vinho que fizera o ficar rico já não lhe proporcionava o mesmo conforto de tempos atrás e com o passar dos anos a doença avançou e antes de morrer ele se lembrou do sonho que tivera.

Pensou que era apenas um sonho e que não mudaria sua situação atual, mas ao adormecer viu o menino novamente com outro tesouro tão bonito quanto o cálice que o fizera enriquecer.

Moral da história: Todos nós temos escolhas a fazer na vida e cabe apenas a nós lidar com essas escolhas e suas conseguencias.

frase-a-utopia-esta-no-horizonte-aproximo-me-dois-passos-ela-se-afasta-dois-passos-caminho-dez-passos-eduardo-galeano-158983

 

https://tsukuyomiinfinito.wordpress.com

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s